fbpx

Como será a advocacia durante o coronavírus?

18 mar, 2020

Entenda como trabalhar em casa de maneira eficiente durante a pandemia de coronavírus e não tenha prejuízos na sua advocacia 

Vamos imaginar 3 situações:

  • Você está em casa trabalhando durante a pandemia de coronavírus e o seu filho começa a chamar você para brincar. 
  • Você está redigindo uma peça e o seu Instagram ou Facebook não param de enviar notificações.  
  • Enquanto você está elaborando um contrato, começa a passar a sua série preferida na televisão.  

É provável que você passe por situações semelhantes durante a pandemia de coronavírus. 

Para piorar, as previsões são de que os advogados terão que ficar em casa por, pelo menos, 1 mês e meio. 

Isso porque ficar em casa é uma das formas mais eficazes de conter a expansão das contaminações pelo vírus COVID 19.  

No entanto, mesmo que muitos Tribunais e serviços parem, os advogados precisarão continuar trabalhando duro em casa.  

Para manterem o foco em meio a tantas adversidades, será essencial transformar o home office em uma forma de trabalho mais eficiente.  

Home office será necessário durante o corona vírus

Nesse texto, você: 

  • Conhecerá razões para melhorar a eficiência do home office 
  • Saberá os benefícios financeiros e produtivos do home office jurídico 
  • Aprenderá sobre as necessidades de um bom home office  
  • Descobrirá ferramentas para melhorar o trabalho em casa 

Receba conteúdos exclusivos sobre o home office durante a pandemia pelo Telegram

Antes de começar, vale a pena também dar uma olhada em quais ferramentas gratuitas usamos na empresa para conseguir trabalhar remotamente de forma organizada e produtiva.

Por que mudar a forma de trabalhar? 

Talvez esse seja um dos momentos mais críticos da advocacia dos últimos 30 anos.  

E entendo se você estiver aflito. Eu também estou.  

A pandemia de coronavírus está, definitivamente, fazendo o mundo parar.  

Não sair de casa tornou-se uma necessidade. E isso dificulta tudo, principalmente o trabalho.  

Advogado em home office durante corona vírus

Meus colegas advogados não param de me perguntar: e agora, como trabalharemos?  

E eu dou a resposta mais honesta possível: da mesma maneira que eu trabalho há anos – pela internet! 

Trabalhar pela internet é a maneira mais segura e responsável do advogado atuar durante o período da pandemia de Coronavírus.  

Isso porque o profissional poderá exercer as suas atividades dentro do local mais recomendado, a sua casa.  

Desse modo, não correrá o risco de ser infectado com o vírus ou de infectar outros indivíduos, caso esteja com a doença.  

“Nem todo meu trabalho pode ser feito pela internet” 

Alguns advogados alegam que, apesar da suspensão de alguns prazos processuais e das mudanças no funcionamento de Tribunais, há atividades que não conseguirão fazer pela internet.  

Eu discordo disso.  

Devido às recomendações para evitar aglomerações, muitos Órgãos públicos e serviços deverão parar de funcionar nas próximas semanas.  

Com isso, muitas atividades cotidianas da advocacia serão interrompidas. 

Diligências e audiências, por exemplo, se não forem suspensas, ocorrerão raramente. 

Leia mais sobre as mudanças nos Tribunais durante a pandemia de COVID 19

Nessa realidade, o advogado conseguirá manter, basicamente, o trabalho extrajudicial e o relacionamento à distância com seus clientes. 

O trabalho extrajudicial (elaboração de peças processuais, de contratos e consultorias, por exemplo) e o relacionamento com clientes podem ser realizados da própria residência, de maneira 100% online. 


O Home office tem muitos benefícios

Corona vírus está fazendo o advogado trabalhar em casa

O Home office não é um lobo mau. 

Há pessoas que, há anos, estão fazendo fortuna com ele. 

Isso porque ele apresenta diversos benefícios.  

O primeiro é, certamente, a redução de custos.  

No Home Office, custos com transporte e alimentação, por exemplo, caem consideravelmente.  

Além disso, se você for o dono do seu escritório de advocacia, não terá que gastar dinheiro com luz, água, internet e contas básicas do seu espaço de trabalho. 

O segundo benefício é a melhor otimização das tarefas. 

Trabalhando em casa, o profissional é obrigado a gerir as atividades de trabalho da maneira otimizada possível.  

Isso porque ele não está em um ambiente de pressão (como o ambiente de trabalho) e tem que se organizar de maneira muito mais intensa e responsável. 

Além do mais, tem que aumentar as suas habilidades comunicativas (devido a comunicação virtual) e deve potencializar o poder de persuasão com clientes. 

Corona vírus fará o advogado aprender a trabalhar pela internet

O terceiro benefício é o fato de possuir mais tempo. 

Com o Home office obrigatório, o advogado não gastará tempo com transporte e com algumas atividades cotidianas de seu trabalho. 

Com isso, terá mais tempo para a sua criatividade e para o seu descanso. 

Assim, ele poderá pensar nas melhores soluções jurídicas para as questões de trabalho e terá mais tempo para estudar. 


O que é preciso para o sucesso do home office para advogados? 

O home office para advogados possui 3 necessidades principais: 

  • Saber trabalhar em casa  
  • Saber organizar o trabalho pela internet  
  • Saber se comunicar com clientes e com a equipe pela internet 

No entanto, essas podem não ser tarefas fáceis para os advogados que não estão acostumados a trabalhar em casa. 

Por isso, explicarei cada uma das 3 necessidades. 

#1 Preciso saber trabalhar em casa 

Imagine que você está trabalhando em casa, totalmente concentrado.  

De repente, a sua esposa/seu marido começa a assistir uma série muito interessante no Netflix.  

Você começa a prestar mais atenção na série do que no trabalho e, poucos minutos depois, já está esticado no sofá.  

Eu realmente duvido que nunca tenha acontecido algo semelhante você. 

É absolutamente natural. Afinal, seres humanos preferem ter prazer do que trabalhar.  

Saiba mais sobre como fazer home office jurídico de maneira eficiente

Advogado que se distraiu durante o home office do corona vírus

Por situações como a que descrevi, o home office não agrada muitos advogados.  

Isso porque, nessa forma de trabalho, há dois grandes riscos: 

  • Não conseguir estabelecer uma rotina adequada de trabalho; 
  • Perder produtividade. 

Quando você faz home office, precisa saber lidar bem com as distrações.  

Celular, televisão, família, animais de estimação. Qualquer coisa pode atrapalhar a sua concentração e fazer com que uma tarefa que demoraria 2 horas, acabe demorando 4 horas.  

Mas calma! Você não está sozinho nessa. 

Todo mundo que não está acostumado com home office e está tendo que lidar com ele está passando pelo mesmo problema.  

O principal fator para evitar distrações é pensar em estratégias que façam o advogado manter o foco. 

Há algumas interessantes. O advogado deve, por exemplo: 

  • desligar o celular ou desinstalar alguns aplicativos durante as horas de trabalho; 
  • Se possível, ficar em um cômodo exclusivo para o trabalho; 
  • desligar a televisão; 
  • pedir a colaboração da família durante as horas em que estiver trabalhando; 
  • estar longe de sua cama ou do sofá; 
  • delimitar seu horário de trabalho. 

Manter o foco não é a única necessidade para o advogado trabalhar em casa adequadamente.  

Há, também, algumas necessidades técnicas.  

Necessidades técnicas para trabalhar em casa 

Uma residência não é um escritório de advocacia. 

Por essa razão, ao trabalhar em casa, é preciso adaptar a estrutura da casa ou do apartamento para que se aproxime de um espaço profissional.  

O grande problema é que, como sair às ruas se tornou arriscado, os advogados precisam trabalhar apenas com o que já possuem em casa.  

Adaptando o espaço 

Para trabalhar em casa de maneira eficiente, é importante que o advogado defina um espaço exclusivo para o seu trabalho. 

Corona vírus tira a advogada da sua zona de conforto

Pode ser um quarto, o escritório ou, até mesmo, um espaço na mesa da sala.  

O ideal é que, nesse espaço, haja o mínimo de distração possível.  

O silêncio é fundamental para que o advogado aprenda a manter o foco no home office. 

Além de adaptar o espaço, é preciso utilizar algumas ferramentas de trabalho. 

Quais ferramentas de trabalho você possui em casa? 

Para trabalhar em casa, o advogado deve entender a sua realidade e avaliar como pode usar os seus equipamentos eletrônicos. 

Há 3 principais necessidades eletrônicas para quem faz home office: 

  • Fazer videoconferências e ligações 
  • Utilizar aplicativos no celular  
  • Usar programas de computador  

Para as 3 necessidades acima, o mais importante é ter acesso a uma boa internet.  

Por esse motivo, pode ser preciso melhorar o seu plano de internet. Há alguns planos excelentes e que não pesam no bolso.  

Nossa sugestão é que você teste durante alguns dias e veja se, de fato, a sua internet está satisfatória para você.  

Para trabalhar em casa, é fundamental ter uma boa internet

Além disso, é importante que você avalie a capacidade técnica do seu celular e do seu computador. 

Pode ser preciso realizar alguns ajustes técnicos, como, por exemplo, liberar espaço para a instalação de novos aplicativos. 

#2 Preciso organizar o trabalho pela internet 

Devido à alta carga de trabalho, é muito fácil perder a organização das tarefas na advocacia. 

É provável, inclusive, que você já tenha sentido o seu trabalho desorganizado no dia a dia do escritório.  

Organizar o trabalho pela internet pode ser uma tarefa ainda mais difícil. 

Isso porque é necessário um foco maior e o conhecimento de algumas metodologias e ferramentas de gestão. 

No entanto, a organização do trabalho é essencial para que o advogado defina as suas prioridades e otimize as suas atividades. 

Só com um trabalho organizado o advogado conseguirá evitar distrações e ser eficiente durante o período da pandemia de coronavírus.  

No corona vírus, é preciso que o advogado se planeje

A organização do trabalho evita prejuízos financeiros 

Caso o advogado perca o controle do seu trabalho, correrá um grande risco financeiro.  

Isso porque, sem organização, provavelmente perderá o contato com clientes importantes. 

Ou pior, poderá ficar completamente perdido quando a pandemia passar.  

O ideal é que o profissional reserve um tempo para o planejamento das suas atividades. 

Planejamento é fundamental 

Quanto mais planejamento o advogado tiver durante o home office, menos riscos ele correrá na gestão do seu trabalho.  

No entanto, sabemos o quanto pode ser difícil se organizar pela internet.  

Para isso, é essencial o conhecimento de algumas metodologias de gestão. 

kan-ban é um exemplo de método que o advogado precisa conhecer nesse período.  

O home office do advogado exige organização

Além disso, o profissional deve utilizar ferramentas virtuais de organização de tarefas. 

A maioria delas permite o compartilhamento com equipes, o que pode facilitar muito a comunicação com seus colegas de trabalho. 

Um exemplo de ferramenta que eu utilizo é o ClickUp.  

Ele é completo e facilmente utilizável.  

Outro exemplo é o famoso Trello.  

O Trello tem ajudado profissionais do mundo todo no planejamento das tarefas e do trabalho, gratuitamente. 

Aprenda sobre ferramentas úteis para o advogado 

Durante a pandemia de corona vírus, é preciso que o advogado saiba usar ferramentas digitais

Você provavelmente precisará scannear documentos e pedir que clientes assinem contratos durante o período do coronavírus. 

No entanto, não é recomendado que você saia nas ruas para isso.  

Não se desespere. Faz tempo que isso já não é mais um problema.  

Atualmente, há uma série de ferramentas virtuais que têm feito o sucesso de muitos advogados sem que precisem sair de casa.  

Ferramentas de assinatura digital de contratos, de gestão de prazos processuais, de scanner e de comunicação são alguns exemplos. 

Nesse período de Home Office, é importante que o advogado busque aprender sobre elas e comece a aplicá-las no próprio trabalho. 

Afinal, elas não são só mais uma saída para que você continue trabalhando. 

Elas são a única saída.  

#3 Preciso me comunicar com clientes e com minha equipe pela internet 

Comunicação online é uma necessidade durante o corona vírus

Você já deve estar acostumado ou conhecer meios de comunicação virtual. 

Email, mensagens, videoconferências são instrumentos de comunicação já muito utilizados não só por advogados, mas por diversos indivíduos.  

Em tempos de coronavírus, a comunicação online deixou de ser apenas mais uma forma de comunicação. 

Agora ela é a mais segura e recomendada forma de comunicação no trabalho.  

Isso porque, para evitar o contágio, é perigosíssimo marcar encontros e reuniões com clientes ou colegas de trabalho.  

Crie uma agenda para a comunicação  

Em tempos de home office, a rotina de quase todos os profissionais está conturbada.  

Por isso, para ter sucesso na comunicação digital, é fundamental que o profissional busque agendar ligações e videoconferências previamente com seus clientes e colegas de trabalho.  

Quanto mais a agenda estiver organizada, mais eficiente e produtiva será a comunicação. 

O Google oferece uma boa ferramenta digital para isso, o Google Agenda.

Ela poderá ajudar você, seus clientes e seus colegas a organizarem os contatos. 

Utilize ferramentas digitais de comunicação 

As ferramentas de comunicação virtual serão as melhores amigas dos advogados durante a pandemia de coronavírus. 

Elas permitirão que os profissionais estejam sempre em contato com seus clientes e seus parceiros de trabalho. 

Com isso, a organização do trabalho será melhorada e poderão ser evitados problemas futuros relativos às questões jurídicas.  

Advogada fazendo videoconferencia

Há ferramentas para todos os gostos. 

Uma boa ferramenta de videoconferências é o Whereby

No entanto, nem sempre é necessário ou possível fazer videoconferências. 

Utilizar aplicativos de mensagens e chamadas, como o WhatsApp, será muito importante para estabelecer uma comunicação dinâmica e ágil. 

Para reuniões com colegas de trabalho, uma boa ideia é utilizar ferramentas de comunicação de equipes.  

O Microsoft Teams é uma das melhores nesse quesito. 


Quer começar o home office jurídico de maneira eficiente? 

Em tempos de corona vírus, o home office é uma necessidade.  

No entanto, você pode fazer com que ele seja muito mais produtivo do que está sendo hoje. 

Começar um planejamento do trabalho é o primeiro passo para que o seu home office tenha tanto ou mais sucesso do que o trabalho no escritório.  

O que não pode ocorrer é deixar o coronavírus atrapalhar os seus rendimentos e o seu sucesso. 

Vamos começar a fazer home office jurídico de maneira mais eficiente? 

Não perca tempo e aprenda mais sobre como administrar a advocacia durante a pandemia de Corona Vírus pelo Telegram

Os melhores conteúdos
de Marketing Jurídico
direto no seu e-mail!

Tudo certo! Seu e-mail está inscrito para receber nossos melhores conteúdos :)

Ops! Algum erro aconteceu. Tente novamente mais tarde.

Vade Marketing will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.